Anuncie no Divirta-se Online
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Clique aqui para ver os endereços dos teatros.
 
Pesquise as peças por local
 
16 anos
Comédia
HUMOR EM DOSE TRIPLA
Quando: dias 27 e 28 de Fevereiro
(sexta e sábado)
Horário: às 21 horas.
Local: TEATRO MUNICIPAL DE RIBEIRÃO PRETO

HUMOR EM DOSE TRIPLA

com

ROGÉRIO MORGADO, RODRIGO CAPELLA e VICTOR SARRO

ROGÉRIO MORGADO:
Formado radialista iniciou sua carreira no humor em 2002 como locutor e imitador. No inicio de 2007 dedicou-se a fazer "Stand-Up Comedy", tendo contato direto com o "Clube da Comédia" e se apresentando inicialmente em uma noite de "Open Mic" como convidado do show "Comédia Ao Vivo" a convite de Danilo Gentili. Em 2009 se junta a Danilo Gentili, Felipe Hamachi e Mauricio Meirelles para fundar o show "A Divina Comédia Stand Up" servindo de palco também para as primeiras apresentações de Marco Luque, Rafael Cortez, Sérgio Mallandro e Otávio Mesquita no gênero, sendo visto por 20 mil pessoas em um ano. Nesse ano teve uma projeção maior na mídia devido sua aparição no programa CQC da Rede Bandeirantes, participando do Oitavo Elemento, onde chegou a semifinal. Em 2010 começa a viajar com seu show solo de stand up comedy "Stand Up Universitário" por todo Brasil, além de retomar seu projeto "Central da Comédia", onde se apresenta junto de dois comediantes em várias cidades do país.

Participou dos principais festivais de humor do país como Risadaria em São Paulo nos dois anos consecutivos 2011 e 2012 e Risorama de Diogo Portugal em Curitiba, no Festival de Teatro.

Na tv fez várias participações de destaque no programa "Show do Tom" na Rede Record e como repórter convidado no programa "A Liga" da TV Bandeirantes, e na final do “Maratona do Humor” do programa da Ana Hickmann veiculado em 2011. Atualmente é figura carimbada na Mesa Vermelha do programa “Agora É Tarde” de Danilo Gentili.

RODRIGO CAPELLA
Irreverente e naturalmente engraçado, o ator e humorista Rodrigo Capella, recebeu em 2010 o prêmio de melhor Stand Up do Brasil pelo Portal UOL. Iniciou sua carreira através do curso de teatro Incenna e em poucos meses já fazia sucesso com sua atuação na peça “O Homem de Dentro”, do amigo Caio Soh, pela Cia Sinceramente Cínicos. Através dessa companhia teatral, onde fez parte durante 8 anos, Capella mudou para a cidade do Rio de Janeiro para atuar num novo espetáculo “Minutos Atrás”, onde foram premiados com 5 indicações, entre eles, o de melhor peça, no festival carioca de teatro. O comediante também fez parte do agora extinto grupo de Humor Deznecessário, onde o revelou nacionalmente.

Ator, Humorista e Comediante,trabalhou em 2 programas, o “Quinta Categoria” e o “Comédia MTV” durante três anos na MTV Brasil. No final de 2011, Capella começou a focar no espetáculo “Comédia em Preto & Branco”, que atua ao lado de Marcelo Marrom, em temporada fixa há 2 anos em São Paulo e viajando por todo o Brasil. Em 2012 recebeu um convite para ser um dos integrantes do Reality Show “A Fazenda 5” da Record: “Pensei muito e resolvi entrar, acho que essa vivência foi muito importante para mim, não só como personalidade pública, mas como ser humano”. Além disso, estreou no curta-metragem DES., que gravou no início de 2012.

Atualmente, Rodrigo continua nos palcos com seu espetáculo “Comédia em Preto & Branco” e integra o quadro de apresentadores do programa “Morning Show” na RedeTv.

Capella além de ser ator, apresentador, humorista e comediante, é dublê e paraquedista, praticante do B.A.S.E. Jump,( um dos esportes mais perigosos do mundo), “Sou um suicida mal sucedido” brinca Rodrigo, para justificar suas loucuras!

VICTOR SARRO,
paulista de 25 anos, começou sua carreira no standup Comedy com apenas 19 anos.
Quando se inscreveu em um concurso na Rede Record jamais achou que ganharia, pois bem, ganhou. Ali começa sua trajetória, campeão no concurso o mais novo talento do humor do Brasil, Victor foi convidado a participar de programas na MTV ao lado de Tatá Werneck, Rodrigo Capella e Paulinho Serra. Foi convidado a fazer participações no Multishow, Sbt e outros. Com 23 anos Victor Recebeu um convite pra trabalhar na maior emissora do país! Na globo participou de programas como Encontro com Fátima, Esquenta, Caldeirão do Huck e agora está todo sábado ao lado do Marcelo Marrom no altas horas!
Victor foi convidado por Fábio Porchat, Fernando Caruso e Cláudio Torres Gonzaga a integrar o primeiro grupo de comédia do país, o COMÉDIA EM PÉ!
Hoje ele apresenta com o grupo e também faz o seu solo "O QUE VOCÊ NÃO VÊ NA TV" contando histórias de vida e dos bastidores da TV globo .

Quanto (ingressos Antecipados)

inteira R$ 50,00

e meia R$ 25,00

e no dia inteira R$60,00

e meia R$30,00
 
Teatro Municipal » 27/02 à 28/02 » 21H00
voltar ao topo
 
 
ND
Comédia
GREVE DO SEXO
Quando: dia 3 de março
(terça-feira)
Horário: 20h00
Local: THEATRO PEDRO II
(Rua Álvares Cabral, 370 – centro)
Informações: (16) 3977.8111
Sinopse:

GREVE DO SEXO - Projeto Amigos da Casa

A CIA. DE COMÉDIA SEROTONINA, estréia sua nova comédia. Depois de O Traído Imaginário, ConSerto de Senhoritas e Chá de Caridade, a trupe resgata uma deliciosa comédia do grego Aristófanes, um dos maiores dramaturgos do mundo antigo. Conhecida como Lisístrata ou A GREVE DO SEXO, a peça foi adaptada por Antonio Veiga que também dirige a montagem.
LISÍSTRATA é a comandante da revolta feminina e a primeira heroína de uma comédia. Uma comédia pacifista, que mantém sua atualidade, as mulheres de Atenas posicionam-se contra a guerra ainda que tal opinião nunca lhes tenha sido pedida.

Sem poder político ou de decisão, fazem o que está ao seu alcance para acabar com uma guerra que já dura 20 anos, ceifando a vida dos homens e filhos e esvaziando os cofres públicos. Lideradas por Lisístrata, decidem por fim às hostilidades usando de uma tática pouco ortodoxa: uma greve de sexo. Para isso fazem o que esta ao seu alcance; negar os deveres matrimoniais aos seus maridos, até que estes assinem um acordo de paz.

Para melhor conseguir seu objetivo ocupam a cidadela de Atenas – a Acrópole, e tomam conta do erário público - recurso fundamental para financiar as guerras.

Os maridos não resistem à greve e concluem um tratado de paz, depois de uma série de peripécias de grande efeito cômico com ousadia de detalhes.

A peça de Aristófanes foi uma tentativa real de acabar com uma guerra de verdade. Na época em que foi representada (411 a.C.), Atenas atravessava um período dificílimo de sua história, ainda não refeita do desastre da expedição malograda à Sicília. Abandonados por seus aliados, os atenienses tinham a 24 quilômetros de suas cidades as tropas espartanas. Essa luta fratricida enfraquecia a Grécia toda, pondo-a à mercê dos bárbaros.

Inspirado por um profundo sentimento de patriotismo e humanidade, Aristófanes se fez porta-voz de todas as esposas e mães gregas e, por intermédio de Lisístrata, lançou um apelo em favor da paz, não somente aos atenienses mas a todos os gregos. Infelizmente a mensagem de Aristófanes não foi ouvida e a guerra continuou, arruinando a Grécia, e as guerras continuaram, mutilando o mundo.

Embora Lisístrata seja a mais pornográfica das comédias de Aristófanes, pela elevação dos sentimentos que animam a heroína, pela nobreza das intenções do comediógrafo e por suas próprias qualidades merece a fama que até hoje desfruta em todas as platéias pelo mundo. Vinte e quatro séculos de guerras tornaram-na cada vez mais atual e não diminuíram em nada o brilho da comédia e a espiritualidade por trás do argumento. Além de ser um texto divertido e original, aborda importantes questões humanas, uma vez que mostra o homem frágil diante de seus desejos carnais e facilmente manipulável pelas mulheres.

FICHA TECNICA
Texto Original: Aristófanes Adaptação e Direção: Antonio Veiga
Figurino: Criação coletiva
Cenário: Antonio Veiga
Musicas: Junior Simões
Operação de som e luz: Ricardo Beato
Costureira: Fátima
Visagismo: Brunno Brunelli
Administração: Julia Veiga
Produção: Cia. de Comédia Serotonina

Elenco: Nenê Alcântara, Fabrício Papa, Bruno Brunelli, Gesmar Nunes, Ícaro Andrade, Fernando Gomes, Walter Navarro, Ricardo Casella, Claudio de Paula e Henrique Gonçalves.


Quanto:

R$ 20,00
 
Theatro Pedro II » 03/03 » 20H00
voltar ao topo
 
 
14 anos
Comédia
“PRA QUE FAZER ISSO”
Quando: dia 6 de março
(sexta-feira)
Horário: às 21h00
Local: TEATRO MUNICIPAL RIBEIRÃO PRETO
(alto do morro de São Bento s/ nº)
Informações: (16) 3625.6841
Sinopse:

“PRA QUE FAZER ISSO” é uma nova montagem do ator e humorista EROS PRADO, conhecido como Inconveniente do programa PÂNICO NA BAND.

Atualmente, é uma das peças mais irreverentes e dinâmicas, uma vez que em todo o tempo, a plateia é a grande protagonista, já que participa e contribui com o espetáculo.

Durante o show, acontece um rodízio de personagens dos mais diversificados possíveis, assinalando mais uma vez a grande característica do ator, a variedade. Além disso, nesta nova roupagem da peça, é trazido ao palco um grande sucesso do PROGRAMA PÂNICO, o famoso “PAGODE DA OFENSA”, em que serão reproduzidas as músicas de maior destaque do programa, além de novas improvisações com o público presente, fazendo um grande espetáculo diferente e único em cada apresentação.

Ao longo do show, são abordados temas como tabu, mitos e verdades, claro, com muito bom humor e de maneira totalmente “inconveniente”, marca registrada do ator.

Autor: EROS PRADO

Direção: EROS PRADO

Elenco: EROS PRADO, LEANDRO LELE, VINICIUS TÁTA

Técnica: GIOVANNA PRADO, EDEILSON LUCIANO (DEDE), VANDERSON VARGAS (TICO)


Quanto:

R$ 60,00 (inteira)
 
Teatro Municipal » 06/03 » 21h00
voltar ao topo
 
 
Livre
Infantil
O SHOW DA LUNA
Quando: dia 7 de março
(sábado)
Horário: às 16h00
Local: THEATRO PEDRO II
(rua Álvares Cabral, 370 – centro)
Informações: (16) 3977.8111
Sinopse:

O SHOW DA LUNA

O espetáculo gira em torno de LUNA, uma garota de 6 anos que ama ciências e que acredita que a Terra é um enorme laboratório aonde ela pode descobrir diversas curiosidades. Destemida e curiosa, LUNA não sossega até conseguir responder a pergunta: “Por que isso está acontecendo?”

A cada aventura, uma curiosidade é abordada, seja no quintal da casa ou qualquer outro lugar, aonde sem saber, Luna, seu irmão mais novo Júpiter e o furão de estimação da família Cláudio, praticam ciência diariamente, formulando hipóteses e fazendo experimentos.

Criativa, Luna utiliza sua imaginação para solucionar suas diversas dúvidas durante cada tema.

Através da multifuncional ferramenta teatral, o espetáculo transmite importantes noções sobre: Ciência, Cores, Formas e Cálculos, Amizade, Respeito e Amor ao Próximo e muitos outros.


Quanto:

R$ 60,00
 
Theatro Pedro II » 07/03 » 16h00
voltar ao topo
 
 
Livre
Comédia
PALAVRA CANTADA
Quando: dias 7 e 8 de março
(sábado e domingo)
Horário:
Local: THEATRO PEDRO II
(Rua Álvares Cabral, 370 – centro)
Informações: (16) 3977.8111
Sinopse:

PALAVRA CANTADA SEM PÉ NEM CABEÇA

Pela primeira vez no teatro - Em comemoração aos 20 anos da dupla PALAVRA CANTADA, seus principais sucessos.

PALAVRA CANTADA SEM PÉ NEM CABEÇA, o musical, é um espetáculo teatral baseado nas músicas da dupla PALAVRA CANTADA, formada por SANDRA PERES e PAULO TATIT. A produção conta no elenco com um grupo de 14 atores/cantores/bailarinos e narra a aventura de PAULECO e SANDRECA, (bonecos de manipulação de 1m40), ao decidirem seguir a jornada do Rato em busca de uma noiva ideal.

Enquanto o Ratinho segue em busca de seu sonho, propondo casamento para a Lua, a Nuvem, a Brisa e a Parede, nossos heróis desbravam esse universo lúdico e se divertem com os Pés, o Zangão, o Seu Minhoco e a Dona Minhoca, os Cozinheiros da Sopa do Neném, a Bruxa Feia, a Rata, entre outros personagens inusitados.

Com coreografias de FERNANDA CHAMMA, o elenco canta ao vivo 17 músicas de sucesso da dupla Palavra Cantada.

Como parte da comemoração dos 20 anos de carreira, a dupla está com uma grande expectativa dessa nova maneira de explorar o seu repertório e personagens.“É uma grande honra receber um presente como esse, especialmente porque estamos completando 20 anos de PALAVRA CANTADA e eu vou poder realizar um grande sonho: participar do show em outra perspectiva, como ouvinte. Sempre desejei esse momento e sei que será muito emocionante, vibrar junto com a plateia!”, comenta SANDRA PERES.

Como a dupla não estará em cena, PAULO TATIT fala sobre sua expectativa com o resultado de sua obra em um musical: “Eu estou, em primeiro lugar, muito curioso em assistir esse musical. Essa curiosidade vem do fato de que, até hoje, sempre tocamos nossas músicas por nós mesmos, mas agora vamos assistir a uma interpretação totalmente diferente daquilo que estamos acostumados. Vamos ter aquela sensação de não ter domínio da nossa obra, pois ela está aí, no mundo, pronta para ser curtida, transformada e expandida por outras mãos.”

Formada em 1994, a dupla musical infantil PALAVRA CANTADA tem como principal característica suas canções infantis de linhas marcantes, que prezam pela elaboração das letras, arranjos e gravações, com uma poética sensível e respeito à inteligência das crianças.

ELENCO - Alessandra Lyra, Anderson D´Kássio, Andressa Andreatto, Daniel Almeida, Diego Biaginni, Elber Marques, Gerald Gonçalves, Gilson Ajala, Maria Clara Manesco, Ruy Brissac, Simony Lino, Thais Piza, Thalyta Medeiros, Willian Sancar


Quanto:

Plateia, Frisa e Balcão Nobre R$ 80,00

Balcão Simples R$ 50,00

Vendas: bilheteria do teatro

 
Theatro Pedro II » 07/03 à 08/03 » veja acima
voltar ao topo
 
 
nd
Drama
“O AMOR VENCEU”
Quando: dias 14 e 15 de março
(sábado e domingo)
Horário: Sábado 20h e Domingo 19h
Local: TEATRO MUNICIPAL RIBEIRÃO PRETO
(alto do morro de São Bento s/ nº)
Informações: (16) 3625.6841
Sinopse:

O AMOR VENCEU

Uma super produção da obra de ZÍBIA GASPARETTO

Um dos maiores sucessos literários de ZÍBIA GASPARETTO

A adaptação foi feita por RENATO MODESTO (Prêmio SESI de Dramaturgia de 1996) e a direção está a cargo de LUCIENNE CUNHA. ZÍBIA, a autora, esclarece que ‘O AMOR VENCEU’ trata de uma história real extraída dos entrechoques constantes que presenciou no passado.

O espetáculo, que está em cartaz há 19 anos no Brasil, vai ao encontro dos anseios e expectativas do ser humano mexendo com as emoções de cada pessoa. A história de amor de quatro jovens se passa no Egito Antigo (1.200 a.C.), nas terras do Faraó, onde os personagens ora senhores, ora escravos, encontram-se entre prazeres e dificuldades pela vida, tentando resgatar a sua verdadeira existência.

‘O AMOR VENCEU’ estreou em 1995, já foi apresentado em mais de 150 cidades e assistido por mais de hum milhão de pessoas, e agora chega com grande elenco ao Teatro Municipal de Ribeirão.

SINOPSE:

Em uma grande festa Pécos é promovido ao cargo de General Supremo agraciado pelo Faraó com a Grã-Pedra Opalina e com duas escravas: Solimar, que herdou de seu pai os conceitos sobre as leis que regem a vida do homem na terra e Nalim que, sendo em suas terras uma nobre, não se conforma em se tornar uma escrava e alimenta a idéia de retornar ao seu país e vingar-se de Pécos.

Jasar, irmão de Pécos, que por muito tempo esteve fora estudando os segredos do universo, retorna e traz consigo o tio Osiat e a bela prima Otias.

Um atentado coloca a vida de Pécos em risco que sobrevive graças aos aprendizados do irmão Jasar e da dedicação de Solimar, que encontra em Jasar um grande amigo, não demorando pra que essa amizade se transforme num grande amor, porém, Solimar vê suas esperanças acabarem quando Osiat pede em seu leito de morte, que Jasar case-se com Otias.

O desenrolar dessa trama o público só saberá assistindo o espetáculo ‘O Amor Venceu’.


ELENCO: Luciene Cunha, Alexandre Carlomagno, Amanda Lima,

Luana Gonçalves, Karla Estevão, Flavio Wongalak, Paulo Perez,

Paulo Pereira, Alexandre Luz, Neviton de Freitas, Valdir Ramos


Quanto:

R$ 60,00 (inteira)
 
Teatro Municipal » 14/03 à 15/03 » veja acima
voltar ao topo
 
 
14 anos
Comédia
RAZÕES PARA SER BONITA
Quando: dias 14 e 15 de março
(sábado e domingo)
Horário: Sábado, às 21h e Domingo, às 19h
Local: THEATRO PEDRO II
(rua Álvares Cabral, 370 – centro)
Informações: (16) 3977.8111
Sinopse:

RAZÕES PARA SER BONITA com INGRID GUIMARÃES, MARCELO FARIA, GUSTAVO MACHADO e ALINE FANJU

Após trajetória de sucesso na Broadway, nos Estados Unidos, o espetáculo RAZÕES PARA SER BONITA, em versão brasileira com INGRID GUIMARÃES, MARCELO FARIA, GUSTAVO MACHADO e ALINE FANJU. A peça aborda, de forma crítica, a importância das embalagens no mundo contemporâneo, o excesso de julgamentos em relação ao cidadão e a influência do padrão de beleza em decisões do cotidiano.

INGRID GUIMARÃES diz que a comédia é diferente e que faz pensar. "É um debate atual e interessante, até porque usa aparências como panos de fundo pra falar também de amor, de pessoas que trabalham apenas pelo dinheiro e da mediocridade do dia a dia. As pessoas se identificam", diz.

A atriz diz que sua personagem, Steph, se sente inferior após o marido dizer que o rosto dela é comum. O fato causa conflito enorme e chegam a se separar. "Steph não tem muito a ver comigo, mas mostra um pouco do que já vivi na adolescência, quando fugi dos padrões de beleza perfeitinha da época", explica.

Ingrid acrescenta que as mulheres se cobram demais em relação à beleza, e que sempre lutou contra esta imposição. Relata que construiu sua própria beleza no que tinha de melhor, e que sempre fez personagens, como Leandra Borges. "A mídia vende porque tem quem compra. Isto é uma obsessão em todos os meios. Conheci uma gari que juntava todo o dinheiro pra colocar silicone. Tudo faz parte do mundo globalizado, onde as pessoas só olham pra fora", diz.

De acordo com a atriz, a interação com os outros atores do espetáculo é ótima. "O MARCELO FARIA é meu primo e sempre quisemos trabalhar juntos. Somos todos muito amigos. Estava com saudades de trabalhar em grupo. Estava há 11 anos só eu e Heloísa com Cócegas", fala com humor. Sobre o corre corre diário, Ingrid relata que conciliar ensaios, vida pessoal e trabalhos não é fácil. "Tenho uma filha de quatro anos, e pra ficar mais perto dela procuro levá-la comigo sempre que posso. Também conto com o apoio da minha mãe e duas irmãs, e tenho um staff em casa que me ajuda, né?", comenta.

Sobre a carreira profissional, Ingrid ressalta que tem feito muito cinema e que o filme De pernas para o ar 3 está em fase de roteiro. "Acabei de rodar um filme chamado A Magia do Mundo Quebrado, em que faço um papel dramático. Lançou “Loucas pra Casar” com a Tatá Werneck. Pra televisão, existem projetos em andamento.
 
Theatro Pedro II » 14/03 à 15/03 » veja acima
voltar ao topo
 
 
Livre
Infantil
A DAMA E O VAGABUNDO – VIAJANDO PELO BRASIL
Quando: dia 15 de março
(domingo)
Horário: às 16h00
Local: TEATRO MUNICIPAL RIBEIRÃO PRETO
(alto do morro de São Bento, s/ nº)
Informações: (16) 3625.6841
Sinopse:

A DAMA E O VAGABUNDO – VIAJANDO PELO BRASIL

Um musical para todas as idades
O Espetáculo “A DAMA E O VAGABUNDO – VIAJANDO PELO BRASIL” é um musical com enfoque na disseminação da cultura brasileira, ensinando e divertindo através das músicas, dos adereços, dos figurinos e objetos típicos de regiões e estados do país.
Conhecemos Vira, um cachorro vira-lata muito criativo, e Lili, uma cachorrinha que, até então, sempre teve de tudo.
Ambos se encontram com a pata na estrada, com um mundo de possibilidades pela frente e somente a vontade de conhecer o Brasil e encontrar o seu lugar e sua identidade.
A dupla sai em viagem por cada estado e região conhecendo sua cultura e sua tradição de uma forma diferente e engraçada, sempre se aproveitando do elemento lúdico para entrar no universo infantil.
Elenco: Luana Gonçalves, Flávio Wongálak, Amanda Lima, Ale Luz, Paulo Pereira, Neviton de Freitas, Alexandre Carlomagno, Will Izidio e Eder Soares.


Quanto:

R$ 50,00
 
Teatro Municipal » 15/03 » 16h00
voltar ao topo
 
 
nd
Comédia
NANY PEOPLE – MINHAS VERDADES
Dia 21 de Março
(sábado)
Horário: às 21h00
Local: TEATRO MUNICIPAL DE RIBEIRÃO PRETO
(alto do morro de São Bento s/ nº)
Informações: (16) 3625.6841
Sinopse:

NANY PEOPLE – MINHAS VERDADES

"Minhas Verdades"

Muito mais que um stand up

O novo espetáculo de Nany People é diferente, inovador e provocador, pois apresenta histórias e situações vivenciadas pela artista durante a sua trajetória profissional e pessoal.
Em tempos do "Politicamente Correto" engessando a sociedade como um todo, o espetáculo trata assuntos dos mais variados temas sempre abordados com bom humor e inteligência.
Nany solta o verbo e convida a plateia a meditar e se divertir com suas observações provocadoras; A identificação do público é imediata.
Um espetáculo intimista e divertido onde a trajetória de vida da artista é decantada com Emoção, Convicção e Paixão!
Afinal entre o Amor e a Paixão paira o anexo da Ilusão... ou não!
Atriz, humorista, apresentadora de shows, eventos performáticos, telegramas animados, feiras e convenções e comédia stand up. Fez curso de Extensão Universitária de interpretação pela Unicamp, além de ter estudado teatro na Escola Macunaíma.
Trabalhou por 10 anos no Teatro Paiol(SP) com a Família Goulart/Bruno em diversas funções.
Projetou-se no cenário nacional, em 1997, como repórter do programa Novo Comando da Madrugada de Goulart de Andrade (Extinta Rede Manchete) e foi jurada residente do programa Guerra é Guerra, da Rede Mulher.
Atuou como Repórter Especial em entrevistas e matérias inusitadas nos programas: COMANDO DA MADRUGADA (Rede Manchete) Março/1997 a Jan/1998
Em 1998, interpretou com absoluto sucesso um dos mais importantes papéis femininos da obra do dramaturgo alemão Bertold Brecht, a viúva Begbck, na peça Um Homem é um Homem, dirigida por Alexandre Stockler(TeatroFaap/SP)
ACREDITE, UM ESPIRITO BAIXOU EM MIM (2001) de Ronaldo Ciambrone com direção de Sandra Pêra ao lado de Marilia Pêra, Arlete Salles, entre outros.
Assinou uma coluna de sucesso na revista G Magazine de Out/1997 a Jan/2008.
Por várias vezes se apresentou no projeto SEGUNDAS INTENÇÕES (de Thereza Piffer e Marcelo Várzea) ora como humorista, ora cantando.
Convidada especial como MESTRE DE CERIMÔNIAS do RISORAMA (Festival de Teatro de Curitiba) de 2004 a 2013.
Convidada especial do IMPRORISO (Festival de Humor de Belo Horizonte)
Produziu e Protagonizou desde junho/2007 a Comédia NANY PEOPLE SALVOU MEU CASAMENTO de Bruno Motta/Daniel Alves, excursionando por 14 capitais mais 12 cidades do interior do País, além de ter cumprido temporada com sucesso por 6 meses no Teatro Brigadeiro/SP.
Atualmente atua em Diversos Shows de Comédia Stand-Up na capital Paulista e viajou pelo país em apresentações com o solo Stand up, de sua própria autoria “DEU NO QUE DEU” onde interage por com a platéia de maneira bem humorada e inteligente , marca registrada de sua verve profissional.
Nany People DEU NO QUE DEU, espetáculo idealizado por Nany, onde satiriza situações do cotidiano, bem como as diferenças e acertos do universo masculino/feminino, de total interação com a platéia, marca registrada da atriz e humorista, onde dá uma aula de como encarar a vida de maneira positiva e altruísta.
Participou do programa “A FAZENDA 3″ da Rede Record

Quanto:

R$ 60,00
 
Teatro Municipal » 21/03 » 21h00
voltar ao topo
 
 
Livre
Infantil
DOKI E SEUS AMIGOS
Dia 22 de Março
(domingo)
Horário: às 16h00
Local: TEATRO MUNICIPAL DE RIBEIRÃO PRETO
(alto do morro de São Bento s/ nº)
Informações: (16) 3625.6841
Sinopse:

DOKI E SEUS AMIGOS

Doki é um explorador curioso, e sua paixão pela aventura o coloca nas situações mais malucas. É intrépido, alegre e honesto, e sabe manter a calma o tempo todo. Doki sempre está aberto a todo tipo de sugestões e conselhos de seus amigos. Além disso, aprende com seus erros e aplica seus conhecimentos a novas viagens e destinos! Diretamente da TV para o Teatro, pela primeira vez em Ribeirão Preto, “DOKI E SEUS AMIGOS” é um espetáculo pedagogicamente formatado com o acompanhamento de arte-educadores que levará as crianças a um universo lúdico, com aventuras no mar, terra e até no espaço, transmitindo importantes noções e ensinamentos sobre preservação ambiental, noções geográficas, oceanográficas e espaciais, o valor da amizade e muito mais! Um espetáculo para toda a família. Você não pode perder!
 
Teatro Municipal » 22/03 » 16h00
voltar ao topo
 
 
12 anos
Comédia
MEU QUERIDOOOOO
Quando: dia 4 e 5 de abril
(sábado e domingo)
Horário: às 19h00
Local: TEATRO MUNICIPAL RIBEIRÃO PRETO
(alto do morro de São Bento, s/ nº)
Informações: (16) 3625.6841
Sinopse:

VEM AÍ O PRIMEIRO STAND UP TEEN!

A peça ‘MEU QUERIDOOOOO’, com Victor Meyniel, fenômeno na Internet, com mais de meio milhão de seguidores nas redes sociais em Ribeirão.

Já ficou para trás aquele tempo em que as mães mandavam os filhos desligarem a TV, porque ficavam tempo demais em frente à telinha. Hoje, os adolescentes gostam mesmo é de navegar na Internet. E não precisa nem ser num notebook, Iphones, Ipads e celulares mais simples resolvem a questão. O que importa é ter Internet no telefone móvel e baixar no aparelho os aplicativos de redes sociais e vídeos. E foi exatamente assim, utilizando essas ferramentas, que Victor Maynel, um garoto de apenas 16 anos, tornou-se um fenômeno virtual. O carioca começou a postar vídeos curtinhos de humor num aplicativo, com cerca de sete segundos cada, e daí partiu para outros meios. Em apenas seis meses, já havia atingido a marca de mais de meio milhão de seguidores. E esse sucesso passará do virtual para o real, ou melhor, irá para os palcos.

Em cena, Victor Meyel irá costurar uma série de personagens que apresenta em seus vídeos na Internet, e que já agradam em cheio a garotada. Entre eles: o Professor Bipolar, Benjamim Canetton e a Mãe. “A peça fala sobre a escola, a adolescência em si, os medos, tudo de uma forma totalmente satirizada, ou, então, sarcástica, com uma grande pitada de humor. E eu gosto muito da comédia do absurdo, uma coisa escrachada mesmo. Para mim, o melhor tipo de humor e o que eu gosto de fazer”, diz Victor, que começou a “brincadeira” no fim de novembro de 2013, impulsionado pelos amigos. “Começaram a falar que eu iria me sair superbem fazendo vídeos de humor, pois desde pequeno eu tinha o dom de fazer os outros rirem”, resume ele.

Victor começou a produzir os vídeos sozinho, em casa mesmo, e publicava no aplicativo novo no Brasil, Vine - que é considerado um Twitter, só que com vídeos de apenas 7 segundos, nos quais podem ser retratados momentos do dia a dia. A partir daí, ele expandiu seus vídeos e postou no Youtube. Por mês, são publicados em torno de 80 vídeos. Os números impressionam: em média, são 10 mil visualizações por vídeo no Vine. No Youtube, a soma de todos os vídeos passa de 100 mil visualizações; e no Facebook, a sua fun page atingiu mais de 500 mil visualizações.

Para o diretor Rogério Fabiano, Victor tem um talento nato e é muito dinâmico. “Victor tem um carisma ímpar. Ele escreve e se comunica com muita rapidez. Hoje, os jovens estão nessa ‘vibe’. Como ele tem tanto sucesso nos vídeos de Internet, eu procuro trazer essa mesma força e esse conteúdo para o teatro, porém, sem perder a linguagem do palco. Victor faz milhões de personagens e incorpora todos com muita graça. Acho que este é o melhor atrativo do espetáculo. Victor Meyniel é um ‘stand up comedy teen’ de grande expressão”, avalia ele, que dirigiu as peças adolescentes “O despertar” e “Quatro formas de amar”, ambas do autor de novelas e séries na TV Tiago Santiago. “Dirigir uma peça para adolescente já faz parte da minha história. É um público carente de espetáculos, e, se a gente consegue atingi-lo, eles reagem com muita espontaneidade”, frisa Rogério.

As histórias representadas são hilárias e, hoje, Victeiro, como é conhecido pela galera, possui um número muito significativo de seguidores e admiradores. No Vine: 377 mil; No Twitter: 130 mil; No Instagram: 52 mil; No Youtube: 53 mil; e na page oficial do Facebook; 263 mil curtidas. Os números expressivos se refletem nas ruas. E olha que ele nem é galã na TV. “Moro perto de um shopping e andar nele é quase impossível. Não falo por falar e, sim, por já ter ido lá mil vezes. Quase todos do shopping me olham, ainda mais quando são adolescentes, e pedem foto e até mesmo autógrafo. Nem sei dar autógrafo direito, gente (risos)! Que vergonha que sinto... E isso já aconteceu em lanchonetes e em festas, as pessoas me reconhecem como o Victor do Vine'. Nunca imaginaria tamanha proporção num negócio que foi indo tão pequenininho e se transformou nisso tudo! Fico feliz”, conta Victor, que é o maior “viner” do Rio de Janeiro, e é o segundo maior do Brasil.

Para encarar o desafio de atuar sozinho no primeiro stand up teen do Brasil, Victor Meyer se inspira em duas grandes estrelas do humor atual na TV. “Eu me inspiro muito em comediantes naturais pelo simples fato de respirarem e fazerem os outros rirem, como a Tatá Werneck e o Paulo Gustavo, dois superastros da comédia”, finaliza o rapaz, que começou a estudar teatro no colégio, aos 7 anos de idade. Depois, ele foi pra CAL e, agora, está no Tablado.


Quanto:

R$ 60,00 (inteira)
 
Teatro Municipal » 04/04 à 05/04 » 19h00
voltar ao topo
 
 
14 anos
Comédia
TRIBOS, UMA COMÉDIA PERVERSA
Quando: dias 10 e 11 de Abril
(sexta e sábado)
Horário: às 21h00
Local: THEATRO PEDRO II
(rua Álvares Cabral, 370 – centro)
Sinopse:

TRIBOS
UMA COMÉDIA PERVERSA

ANTONIO e BRUNO FAGUNDES encontram-se na produção e no palco do teatro, pela segunda vez. O motivo agora é ainda mais especial, já que formam uma dedicada equipe de produção com os atores ARIETA CORREA, ELIETE CIGAARINI, GUILHERME MAGON e MAÍRA DVOREK, em uma premiada comédia perversa, com sacadas inteligentes e uma questão polêmica - que promete criar uma inusitada relação com a plateia - entreter, provocar questionamentos e entregar um bom produto aos amantes das artes.

NINA RAINE, autora do texto, usa a figura de um deficiente auditivo para questionar os diversos tipos de limitação do ser humano e, de uma maneira perversamente divertida e politicamente incorreta, revive as típicas questões familiares e reforça as dificuldades de convivência - como em toda tribo.

Tribos aborda a surdez universal e divide o tema em duas categorias: 1) daqueles que não conseguem ‘calar-se’ por tempo suficiente para entender uma realidade diferente de sua própria 2) dos surdos que são fisicamente incapazes de receber estímulos sonoros;. "Somos só mais um na multidão"; "O mundo é surdo", diz Billy. Existe surdez maior que o preconceito; que o orgulho; que a ignorância; o egoísmo; a falta de amor?

O TEXTO

Sucesso no ROYAL COURT THEATER, em LONDRES, e vencedor do NEW YORK DRAMA CRITICS, quando em cartaz nos Estados Unidos, o texto tem tradução de Rachel Ripani e direção de Ulysses Cruz. Billy (Bruno Fagundes) nasceu surdo em uma família de ouvintes, liderada pelo pai Christopher (Antonio Fagundes) e pela mãe Beth (Eliete Cigaarini), e completada pelos irmãos Daniel (Guilherme Magon) e Ruth (Maíra Dvorek). Ele foi criado dentro de um casulo ferozmente idiossincrático e politicamente incorreto. Adaptou-se brilhantemente às maneiras não convencionais de sua família, mas eles nunca se deram o trabalho de retribuir o favor. Finalmente, quando ele conhece Sylvia (Arieta Correa), uma jovem mulher prestes a ficar surda, Billy passa a entender realmente o que significa pertencer a algum lugar.

Autor: Nina Raine
Tradutor: Rachel Ripani
Diretor: Ulysses Cruz

Elenco: Bruno Fagundes, Arieta Correia, Eliete Cigarini, Guilherme Magon, Maíra Dvorek e Antonio Fagundes


Quanto:

R$ 100,00 (Plateia, Frisa e Balcão Nobre)

R$ 80,00 (Balcão Simples e Galerias)
 
Theatro Pedro II » 10/04 à 11/04 » 21h00
voltar ao topo